segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

VIGÍLIA DO NAMORO, PROMESSA DO AMANHÃ : Namorados toda a vida!


No bico do vento-correio
Voaram goivos de longe
E o mar emudeceu
Pousado no gineceu
Da namorada ilha
Aberta em cobiçoso seio

E o sonho começou

Antes de ser flor e fruto
Foi alcova promessa anseio
Sem tracejado nem fim

Toda a vida o Livro
De um ignoto São Valentim

Porque o namoro é o mistério
E no mistério está o ganho
Onde tudo o que é estranho
Fica perto e verdadeiro

O sol namora a lua
Namora a lua as estrelas
Namora a montanha o abismo
E o mar bravo já é espuma
Nos dedos da areia à espera

Namoro é primavera
Jardim moço de virgem  buganvília

Sempre a vigília
É mais bela que o dia
Aquela abre a alvorada
E o dia na noite se esfuma

Namoro só tem vigília
E todo o mundo é namoro

Deus-macho namorou Eva
E fê-la Mulher e Mãe
Deus-fêmea olhou Adão
E fê-lo Filho varão

Rio selva astro nuvem húmus
E quanto lá existe
Cumprem unidos os rumos
Ardentemente traçados
De arfantes namorados

Por isso
Namora
Todo o tempo toda a hora
Trá-lo contigo aprende-lhe a arte
Se te esqueces do namoro
Vem a morte namorar-te

Manda-a embora
Sonha sempre com a manhã

Serão prata e diamante
O trono  e a glória vã

Mas ouro
Ouro fino de garante
Radioso expectante
O namoro
Só o Namoro


13.Fev.17
Martins Júnior